Vantagens de internacionalizar seu negócio para os EUA

Existem muitas vantagens de internacionalizar uma empresa, tais como valorização da marca, oportunidade de expandir seus produtos e crescimento de negócio em um novo local.

Normalmente, aqueles que optam pela internacionalização já estavam exportando produtos ou serviços anteriormente.

Qual o melhor momento para internacionalizar um negócio?

Pedro Drummond, sócio da Drummond Advisors, destacou no webinar 5 Passos para Internacionalização que “geralmente você vai sentir uma necessidade de mercado, é o seu cliente pedindo para você estar mais próximo, o seu parceiro comercial pedindo para você estar mais próximo.” São situações em que o mercado começa a exigir a presença de uma empresa com CNPJ localizado nos EUA.

Benefícios da internacionalização

  • Economia estável
  • Diversificação de receitas e riscos
  • Ambiente pró-negócios
  • Valorização da marca
  • Acesso a investidores
  • Melhorias de políticas e processos
  • Mão de obra segmentada e especializada

Em termos de varejo, Pedro Drummond enfatiza que “a internacionalização ‘dá cartas para você jogar’, enquanto você é um mero exportador de produtos, no Brasil atendendo um mercado de forma remota em que o seu consumidor precisa aguardar um tempo para o seu produto chegar, as vezes apresenta uma dificuldade no pós-venda. A internacionalização traz toda essa operação para perto do seu consumidor, mas não só isso, cria outras possibilidades de modelo de negócio. Então essa empresa americana pode ser distribuidora do seu próprio produto, podendo intermediar compras e vendas, e ser uma prestadora de serviços de pós-venda.

Imagem: Canva

Aspectos importantes do processo de internacionalização

Entender o local de atuação para o seu negócio é um aspecto fundamental para obter as vantagens de internacionalizar. “Qual é a melhor região dos EUA para expandir meu negócio?” Esta é uma das perguntas a serem consideradas nesse processo.

Embora o estado da Flórida seja o principal destino procurado por quem planeja começar seu empreendimento nos EUA, não necessariamente é o melhor local para todos os tipos de negócios.

André Leal, especialista em internacionalização do SelectUSA, destacou que “o estado da Flórida é certamente um grande destino para internacionalização de negócios, é a quarta maior economia dos EUA, e só o PIB da Flórida é maior que o PIB brasileiro. Então, faz sentido estar lá? Faz. Para todo mundo? Não necessariamente. O ponto chave é realmente entender onde você tem oportunidades de negócios, setores bem desenvolvidos, mão de obra disponível e as cadeias formadas para que você possa colocar o seu negócio na localização mais estratégica para que você possa fazer bons negócios.”

Outro ponto fundamental ao internacionalizar é o aspecto tributário, pois sua operação estará sujeita à tributação local. Portanto, é necessário um planejamento tributário adequado para evitar surpresas durante o processo de internacionalização. Assim, é possível buscar soluções operacionais menos onerosas dentro da legislação vigente do país, resultando em redução na carga tributária, melhoria do fluxo de caixa devido à recuperação de impostos acumulados e diminuição do risco fiscal.


Escrito por Marcos Ferreira, Analista de Conteúdo da Drummond Advisors

Rolar para cima
Pesquisar

Início