Veja os melhores colocados no Índice de Clima Tributário Estadual nos EUA em 2023

De acordo com o Tax Foundation, o Índice de Clima Tributário Estadual auxilia líderes empresariais, formulador de políticas governamentais e os contribuintes a compararem os sistemas tributários em cada estado. Embora existam várias maneiras de expressar o valor dos impostos que um governo estadual arrecada, o objetivo desse índice é mostrar como os estados estruturaram seu sistema tributário e oferece planos para melhorias.

Os 10 principais estados no índice de 2023 são:

  • Wyoming
  • Dakota do Sul
  • Alasca
  • Flórida
  • Montana
  • Nova Hampshire
  • Nevada
  • Utah
  • Indiana
  • Carolina do Norte
Imagem: Canva

A ausência de grandes impostos é um fator em comum na maioria dos 10 principais estados. Os impostos sobre a propriedade e o seguro-desemprego são cobrados em todos os estados, mas há vários estados que isentem um ou mais dos principais impostos: imposto de renda corporativo, imposto de renda pessoal ou imposto sobre vendas. Nevada, Dakota do Sul e Wyoming não têm imposto de renda corporativo ou individual (embora Nevada impõe um imposto sobre a renda bruta).

O Alasca não possui imposto de renda individual ou imposto sobre vendas em nível estadual. A Flórida não tem imposto de renda pessoal. New Hampshire e Montana não têm imposto sobre vendas.

No entanto, isso não significa que o estado não possa entrar no top 10 enquanto arrecada todos os principais impostos. Como exemplo temos Indiana e Utah, que faturam todos os principais impostos, mas com taxa baixa em bases amplas.

Os 10 estados com pior desempenho no Índice de Clima Tributário Estadual são:

  • Alabama
  • Rhode Island
  • Havaí
  • Vermont
  • Minnesota
  • Maryland
  • Connecticut
  • Califórnia
  • Nova Iorque
  • Nova Jersey

Os estados entre os 10 últimos tendem a ter vários problemas em comum: impostos complexos e não neutros com alíquotas relativamente altas.

New Jersey, por exemplo, é atormentada por algumas das cargas tributárias mais altas do país, possui a maior alíquota de imposto de renda corporativo do condado e uma das mais altas alíquotas de imposto de renda individual. Além disso, o estado tem um tratamento particularmente agressivo da renda internacional, cobra imposto sobre herança e mantém alguns dos impostos de renda pessoal mais mal estruturados do país.

A classificação completa está disponível em: https://taxfoundation.org/2023-state-business-tax-climate-index/

Escrito por Marcos Ferreira, Assistente de Conteúdo da Drummond Advisors

Rolar para cima
Pesquisar