Conheça investimentos isentos de impostos nos Estados Unidos e como eles funcionam

Existem tipos de investimentos nos Estados Unidos que possuem baixa ou até nenhuma taxa de imposto (chamado de Tax-free investing), e que muitos brasileiros desconhecem. Para falar sobre esse tema, a Drummond Advisors realizou um webinar que abordou sobre os principais investimentos com baixa tributação. Participaram do evento Bruno Drummond, sócio da Drummond Advisors e Samuelson Drummond, conselheiro fiscal

O primeiro investimento abordado foi o “Individual bonds”, que é o título de uma determinada corporação, onde você empresta um estipulado valor para a mesma. Samuelson destacou que o cenário futuro para investidores de bonds é positivo, mas que no momento ele não está tão atraente.

“A perspectiva é de aumento de taxa de juros e eu acredito que, talvez dentro de 4 a 6 meses, tenha-se um cenário muito interessante para a compra de bonds, porque as taxas vão estar mais atraentes do que hoje. Hoje, o investidor de bonds está sofrendo um pouco porque o preço do bonds é inversamente proporcional a taxa de juros, então os preços dos bonds tem caído.”

Em sequência, o tema destacado foi o “Unit investment trusts” (UITs), um fundo de investimento, que pode ser definido como um pacote com normalmente de 15 a 30 bonds. Samuelson destacou que esse tipo de investimento é interessante para quem pretende fazer uma “carteira” a longo prazo.

“Esses bonds vão amadurecendo, você vai recebendo juros, vai recebendo principal, e é bom para quem quer fazer uma carteira. Sabendo que essa carteira você vai ter um repagamento dessa carteira em um longo prazo”. Mas, mencionou que não é a forma mais tradicional de se comprar bonds. “Normalmente meus investidores preferem bonds individuais e Mutual funds [..] e ETFS”, acrescentando.

Na sequência do evento, Bruno e Samuelson ressaltaram outros tipos de investimento como Traditional and Roth IRAs, 401(k) and 403(b) e Life insurance. Confira o webinar na íntegra em nosso canal no YouTube:

Tax-free investing nos Estados Unidos: saiba como funciona


Escrito por Marcos Ferreira, Assistente de Conteúdo da Drummond Advisors